Os 10 anos de Avatar: A Lenda de Aang

"Preso durante um século dentro de um iceberg, Aang é um menino de 12 anos que agora está livre do gelo. Ele descobre que tem um destino extraordinário: ser o Avatar. Ele é responsável por garantir o equilíbrio entre os mestres dos quarto elementos, que estão divididos em quatro civilizações: as tribos da Água, da Terra, do Fogo e do Ar. Elas estão perdidas no meio de guerras e destruições. Agora, sua missão é restaurar a ordem do universo. Mas antes ele tem que aprender a dominar todos os elementos."

Quando eu era criança "Avatar: A Lenda de Aang" era um dos meus desenhos preferidos, sempre que eu chegava da escola eu corria pra TV com o intuito de assistir um episódio. E agora, em julho o desenho comemorou 10 anos e como forma de homenagear um dos meus programas preferidos eu decidi listar algumas curiosidades de "Avatar: A Lenda de Aang"!

1) Originalmente, Zuko seria o principal antagonista de Aang e seus amigos, mas os escritores perceberam que ele não possuía as características de um grande vilão, além de não conseguir causar muitos problemas sentado em um trono. Mais tarde, Zuko tornou-se um dos principais aliados de Aang, ensinando-o a arte da dominação do fogo.

2) O mestre de Aang, Monk Gyatso, foi nomeado em homenagem ao atual Dalai Lama, cujo nome completo é Tenzin Gyatso. Além disso, no Spin-Off A Lenda de Korra, Aang tem um filho chamado Tenzin, também em homenagem ao 14º líder espiritual do budismo tibetano.

4) Muita gente acredita que os símbolos sobre o título da série animada representam os quatro elementos do desenho: Água, Ar, Terra e Fogo. Na verdade, os ideogramas são uma representação do próprio Avatar e podem ser traduzidos literalmente como O Médium Divino que desceu sobre o Mundo Mortal.

5) Avatar: A Lenda de Aang se passa em um universo fictício, semelhante ao nosso, onde existem seres humanos capazes de dominar os quatro elementos nativos. No entanto, a ideia inicial dos roteiristas era a de situar as aventuras de Aang e seus amigos em um futuro distópico. Essa ideia foi descartada pouco antes da animação começar a ser produzida.

Especial Potterhead: 10 curiosidades sobre a saga

Imagem do Pinterest
Sei que estou um pouco atrasada, mas para quem não sabe no dia 31 de julho se comemora o aniversário  da escritora J.K. Rowling, e de um dos bruxos mais amados pelas pessoas: Harry Potter. Então, como eu sou uma grande fã da saga não poderia deixar essa data passar sem fazer uma espécie de homenagem pessoal, pois tanto a J.K Rowling quanto os livros de Harry Potter foram essenciais para eu me tornar a leitora voraz que sou hoje. Espero que vocês gostem das curiosidades, e se Harry Potter também mudou a sua vida conte como foi nos comentários.

1) J.K.Rowling escreveu o último capítulo de Harry Potter em 1990, sete anos antes de lançar o primeiro livro.

2) A criação de Harry Potter teve início durante uma viagem de trem. Na época, J.K. Rowling se lembrou das brincadeiras de infância com os vizinhos, que tinham o sobrenome "Potter".

3) Os editores do primeiro livro, Harry Potter e a Pedra Filosofal, sugeriram que Joanne Rowling utilizasse as suas iniciais no lugar de seu primeiro nome. O motivo? Acreditava-se que os meninos poderiam não querer ler um livro escrito por uma mulher.

4) O Professor Snape, um dos personagens mais profundos da série, foi inspirado no professor de química da época de escola de J.K. Rowling.

5) Os dementadores foram feitos para simbolizar a depressão de J.K.Rowling. Aos 20 anos, após a morte da mãe, a escritora precisou enfrentar uma forte depressão.

6) Dumbledore é homossexual e na juventude se apaixonou por Grindelwald, que se tornou um dos maiores vilões do mundo bruxo. Os dois se enfrentaram em um duelo épico em 1945, quando Dumbledore se consagrou vitorioso.

7) Em Londres, na estação de trem King’s Cross, foi montado um local em homenagem a plataforma 9 3/4 , com direito a um carrinho com malas e uma gaiola atravessando a parede.

8) Daniel Radcliffe quebrou mais de 80 varinhas durante as gravações. O ator gostava de usá-las como baquetas durante as gravações do filme.

9) Maggie Smith, que interpretou a Professora McGonagall, lutou contra um câncer de mama durante as gravações do último filme da saga. Ela não parou de atuar porque não queria desapontar os fãs.

10) Fred e George comemoram seu aniversário no dia da mentira, em 1º de abril.

Espero que vocês gostem das curiosidades, e se Harry Potter também mudou a sua vida conte como foi nos comentários!

Naomi & Ely Book TAG

Faz um bom tempo desde que eu não respondo uma Book TAG aqui no blog, e depois de ler "Naomi & Ely e a Lista do Não-Beijo" eu tive a ideia de criar uma Book TAG  usando como base algumas músicas da playlist que está presente na narrativa (Gabriel fez uma playlist para Naomi, e depois ela fez o mesmo para ele. Cada música escolhida por eles apresentava um significado especial). Então, vamos lá:

1) "(My Heart Is) Closed For The Season": Uma leitura que você demorou para superar.
Escolher apenas um livro pra essa resposta foi difícil, mas depois de pensar muito eu acabei escolhendo o "Convergente", da Veronica Roth. Quando cheguei ao final do livro não conseguia acreditar no que tinha acontecido, e demorou um tempo para que eu processasse todas as informações. Fiquei extremamente revoltada com algumas coisas que aconteceram (quem leu o livro sabe do que eu estou falando), e até hoje eu não superei totalmente o final dessa série.

2) "Walk Through The Fire": Um livro que você enrolou para ler, ou acabou desistindo durante a a leitura.
Eu juro que eu fiz o possível para ler esse livro, mas não rolou nas duas ocasiões. A primeira vez foi aos 13 anos e na época eu resolvi tentar ler "O Morro dos Ventos Uivantes", da Emily Brontë, pois eu era viciada em Crepúsculo e esse era o livro favorito da Bella, mas acabei largando a leitura pouco tempo depois. Anos mais tarde eu tentei ler o livro novamente, só que não adiantou nada. Por mais que "O Morro dos Ventos Uivantes" seja um clássico, eu não consegui terminar a leitura e não gostei do livro. Sorry not sorry.

3) "Piazza, New York Catcher": Um livro que você recomenda para as pessoas.
Um livro que merece mais visibilidade é "Alucinadamente feliz", da Jenny Lawson. Então, sempre que posso eu recomendo esse livro para as pessoas. A leitura é muito envolvente e eu gosto do fato da autora falar sem rodeio, apresentar a verdade nua e crua de como é conviver com depressão e outros transtornos. Alguns dias são melhores do que outros. A escrita é leve, fluída e a Jenny pareceu ser uma pessoa super engraçada. 

4) "I Wanna Be Your Boyfriend: Qual livro você mais deseja na sua estante?
A minha wishlist literária é enorme, de forma que foi um verdadeiro desafio conseguir pensar em apenas um livro para colocar nessa categoria. Depois de ponderar por muito tempo eu escolhi o "Tudo o que Eu Sempre Quis Dizer, mas só Consegui Escrevendo", da Maria Ribeiro, Toda vez que eu vou a alguma livraria eu fico namorando esse livro, folheando ele e morrendo de vontade de comprar. Espero poder concretizar esse meu desejo antes do fim do ano.

5) "Don't Waste Your Heart": Um personagem por quem você se apaixonou.
Durante as minhas leituras eu já me encantei e já me apaixonei por diversos personagens, mas o que tem um lugar especial no meu coração é o Sirius Black, de Harry Potter. Descobri a existência dele em O Prisioneiro de Azkaban, mas foi na Ordem da Fênix que a J.K. Rowling  divulgou mais informações sobre o Sirius e o seu passado. Adorei ter conhecido um pouco mais desse personagem tão querido por mim e para sempre o Sirius Black vai continuar vivo no meu coração. 

6) "Livin' On a Prayer": Quem você indica para responder essa Book TAG?
Eu vou indicar 5 blogs para responder essa TAG, mas quem se interessar pode responder também. Apenas peço para que coloquem os créditos, por favor.
Traveling Between Pages
Superamo Book
Entrelinhas
Garotas Devorando Livros
- Divagações de Leitora